IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Airbus fecha encomenda de 100 aviões para Air Lease

Benjamin D. Katz e Julie Johnsson

17/06/2019 07h04

(Bloomberg) -- A Airbus deu início à feira bienal Paris Air Show com uma encomenda de 100 aeronaves de corpo estreito da Air Lease, incluindo uma nova versão de longo alcance da família A320, os jatos mais vendidos da fabricante de aviões europeia.

O pedido inclui 27 jatos A321 XLR, um novo modelo apresentado nesta segunda-feira, 23 aviões do A321neo e 50 unidades do jato A220, que a Airbus comprou da Bombardier. O preço de tabela do modelo básico do A321 é de US$ 129,5 milhões, enquanto o A220, de menor capacidade, custa US$ 91,5 milhões, avaliando o pedido total em US$ 11 bilhões antes dos descontos.

O contrato marca uma importante vitória para a Airbus devido ao peso dos dois modelos. O XLR é uma versão da família A320 da Airbus, voltada para o segmento de média capacidade que a rival Boeing também está de olho com seu novo avião de médio porte ainda em desenvolvimento. A Airbus também tenta aumentar as encomendas do A220, antes chamado de C Series.

Outros clientes potenciais do XLR incluem a JetBlue Airways e a Norwegian Air Shuttle.

Com um pedido da Air Lease, o A220 ganha o selo de aprovação de um dos clientes mais observados do mundo. Steven Udvar-Hazy, fundador e presidente do conselho da Air Lease, foi apelidado de "padrinho" do mercado de leasing de aeronaves por seu papel na fundação do setor.

Mais Economia