PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Amazon lança programa Prime para acelerar crescimento no Brasil

Fabiola Moura

10/09/2019 07h34

(Bloomberg) -- A Amazon.com Inc. está trazendo seu programa Amazon Prime para o Brasil em uma iniciativa para ganhar tração no país, onde a maior varejista do mundo tem crescido devagar -- e sempre.

No começo, o Amazon Prime no Brasil será uma versão reduzida do programa nos EUA, oferecendo frete grátis ilimitado para cerca de 500.000 produtos, entre os 20 milhões que a Amazon já tem disponíveis na maior economia da América Latina. A empresa oferecerá entrega em dois dias úteis em 90 cidades e em três dias ou mais em outros centros urbanos.

A Amazon, que entrou no Brasil em 2012, está disputando espaço com concorrentes já tradicionais no e-commerce, como o MercadoLibre Inc., que oferece frete grátis em compras acima de um determinado preço. A B2W oferece seu próprio programa "prime" com frete grátis e outras ofertas para os membros. A Amazon hoje opera dois centros de distribuição em Cajamar, perto de São Paulo.

"Este é um país em que estamos investindo no longo prazo", disse Jamil Ghani, vice-presidente da Amazon para marketing e para o programa Prime, em entrevista. "O Prime é a joia da coroa do negócio de consumo da Amazon."

O Amazon Prime no Brasil incluirá também opções de entretenimento, como a Amazon Music -- que também estreia hoje no país -- livros, jogos, revistas e todo o conteúdo do Prime Vídeo. A Amazon atualmente cobra R$ 14,90 por mês pelo seu serviço de streaming. O pacote todo do Prime, em comparação, custará R$ 9,90 por mês, ou R$ 89 por ano.

Embora o e-commerce ainda seja pequeno no Brasil, ele está crescendo rapidamente, impulsionado pela popularização dos smartphones. As vendas online aumentaram 41% nos últimos dois anos, segundo o Ebit, da Nielsen. Isso se compara com um crescimento de 7,3% para o varejo como um todo, segundo o IBGE.

O Brasil é o 19º país a oferecer o programa Prime, disse Ghani. Lançado pela primeira vez em 2005 nos EUA, o Prime ajudou a convencer os consumidores que a Amazon era mais do que uma livraria virtual. Pesquisas indicam que os membros do Amazon Prime gastam mais do que os não-membros.

À medida que crescimento do Prime nos EUA desacelerou, a Amazon começou a expandir o serviço globalmente, inclusive para países como a Índia. O Amazon Prime tem mais de 100 milhões de membros no mundo todo, e conta com a maioria das residências nos EUA.

A Amazon começou a operar no Brasil em 2012, vendendo e-books. Em 2017, a empresa lançou uma operação de marketplace, começando com eletrônicos e eletrodomésticos. Em janeiro, a Amazon começou a vender diretamente aos consumidores em 11 categorias, incluindo beleza, cuidados pessoais e produtos para bebês. A Amazon não divulga sua receita no país.

--Com a colaboração de Adriana Dupita e Matt Day.