PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Trump ignora eventos virtuais e perde fundos de grandes doadores

Bill Allison e Misyrlena Egkolfopoulou

23/07/2020 16h51

(Bloomberg) -- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não participou de nenhum evento virtual para captação de fundos de sua campanha nos primeiros meses da pandemia de coronavírus, enquanto zombava do presidenciável democrata Joe Biden por fazer lives do porão de sua casa. Mas Biden pode estar rindo à toa.

As receitas de Trump de grandes doares caíram 61% no segundo trimestre, para apenas US$ 27 milhões, pois o presidente não quis participar de transmissões ao vivo.

O comitê de grandes doadores de Biden captou mais do que o triplo que Trump - US$ 86,4 milhões - após o lançamento no fim de abril. Biden participou de quase todos os eventos virtualmente, falou com doadores e convidou repórteres.

O Trump Victory, que capta fundos em quantias de no máximo US$ 580.600, recebeu US$ 64 milhões no primeiro trimestre. Mas quando as ordens de distanciamento social e quarentenas se espalharam pelo país, Trump realizou apenas alguns eventos pessoalmente que permitiram aos doadores se encontrarem com o presidente.

Mas o comitê de captação de recursos decidiu aumentar a presença na Internet. O Trump Victory realizou seu primeiro evento virtual de arrecadação de fundos com o presidente na terça-feira, levantando US$ 20 milhões de 300 mil doadores que poderiam assistir ao evento doando apenas US$ 45.

"Enquanto Joe Biden não tinha nada para fazer além de arrecadar fundos, o presidente Trump estava liderando o país em uma crise sem precedentes", disse Ken Farnaso, vice-secretário de imprensa da campanha de Trump, observando que o presidente arrecadou quase US$ 1 bilhão para a campanha de reeleição.

©2020 Bloomberg L.P.