Bolsas

Câmbio

Sony se abre para internet das coisas e lança nova série de smartphones

Barcelona, 22 fev (EFE).- A Sony anunciou nesta segunda-feira no Congresso Mundial de Móveis (MWC) sua intenção de ganhar espaço no negócio de internet das coisas e apresentou uma nova série de smartphones, Xperia X, deixando para trás sua linha de dispositivos Xperia Z.

A tecnológica japonesa lançará novos terminais móveis, mas também tentará a sorte no emergente conceito de vida conectada, como explicaram hoje seus diretores no primeiro dia do Mobile World Congress de Barcelona.

Personalização, acesso mais inteligente e natural à informação e serviços que vão "além do que um telefone inteligente é capaz de fazer" é o que a Sony busca alcançar com sua incursão na vida conectada, segundo o responsável pelo negócio móvel, Hiroki Totoki.

Sua proposta de internet das coisas para o MWC está baseada em quatro dispositivos: um fone sem fio (Smart Ear), uma câmera ultracompacta com lente esférica (Xperia Eye), um projetor (Xperia Project) e um assistente pessoal (Xperia Agent).

"É a grande aposta de futuro da Sony. Queremos assumir a liderança na internet das coisas", disseram à Efe fontes da tecnológica japonesa.

Além disso, a companhia espanhola bq apresentou hoje no MWC o smartphone Aquaris X5 Adicional e o tablet M10 Ubuntu Edition, terminais com sistemas operacionais diferentes que evidenciam sua estratégia de diversificação.

A tecnológica espanhola participa pelo segundo ano consecutivo ao MWC, e quer demonstrar "que na Espanha também se faz bem eletrônica de consumo", explicou o diretor adjunto, Rodrigo de Prado.

Paralelamente, em uma conferência para startups 4YFN, as companhias baseadas em economia colaborativa Airbnb, Drivy e Wallapop apontaram hoje o móvel como ferramenta única para utilizar suas plataformas no médio prazo.

O diretor do Airbnb Jeroen Merchiers indicou que tanto os proprietários como os hóspedes que entram em sua plataforma através de smartophones aumentaram exponencialmente nos últimos anos.

Mesmo assim, apontou que, por enquanto, os usuários de Airbnb se sentem confortáveis procurando e selecionando hospedagens através do computador, e que por isso a meta no curto prazo é integrar o site e o uso do móvel.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos