Bolsas

Câmbio

Fiat lança Mobi, o novo carro popular para o mercado brasileiro

São Paulo, 13 abr (EFE).- O grupo automobilístico Fiat Chrysler Automobiles (FCA) lançou nesta quarta-feira em São Paulo para o mercado brasileiro o modelo de linha popular Fiat Mobi, o primeiro carro desenvolvido pelo gigante automotivo desde sua consolidação em 2014.

Apresentado como uma "solução inteligente para o dia a dia", o novo automóvel foi idealizado para ser "urbano e funcional", com dimensões compactas que facilitam o estacionamento, sem descuidar do baixo consumo e da estabilidade oferecida por essa categoria.

Apesar de entrar na linha de automóveis econômicos, o design do Mobi busca dar a aparência de um carro de pomposo e apresenta uma melhor adequação de seu porta-malas e uma central multimídia compatível com a telefonia celular através de um aplicativo específico para o modelo.

As seis versões do modelo apresentam um carro de quatro portas de mil centímetros cúbicos, garantia de três anos e motores flex, que permitem a combustão com gasolina, etanol ou a mistura livre de ambos.

"O Mobi é muito mais que um carro. É uma solução inteligente para a cidade e fora dela", comentou Stefan Ketter, presidente da FCA para a América Latina.

Segundo as publicações especializadas, o novo carro deverá chegar ao mercado com preços que oscilam entre R$ 28.890, para sua versão básica, e R$ 40 mil, para a mais completa.

Embora o projeto e a fabricação do veículo sejam 100% brasileiros, a intenção da empresa é comercializar o carro em toda a América Latina.

O Mobi é o primeiro automóvel novo desenvolvido após ser concluída a fusão de várias multinacionais do setor da Itália e dos Estados Unidos que deram origem ao gigante mundial FCA em 2014.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos