Bolsas

Câmbio

Fed mantém patamar dos juros nos EUA entre 0,25% e 0,5%

Washington, 27 jul (EFE).- O Federal Reserve (Fed), banco central dos Estados Unidos, decidiu nesta quarta-feira, no encerramento de sua reunião mensal para determinar a política monetária do país, manter as taxas de juros no patamar de 0,25% a 0,5%.

Após dois dias de reunião, o Fed optou por manter o nível estabelecido desde a alta ocorrida em dezembro do ano passado, que foi a primeira em uma década e marcou o fim de sete anos de uma política expansiva inédita devido à crise econômica.

Quanto à situação da economia dos EUA, os membros do comitê que decide a política monetária americana disseram que "os riscos a curto prazo diminuíram".

Os integrantes do comitê disseram considerar também que a atividade econômica do país está se expandindo em ritmo "moderado". Em relação ao mercado de trabalho, o Fed indicou que continua ritmo de fortalecimento.

Apesar de todos estes sinais positivos, o Fed decidiu manter as taxas com apenas uma voz dissidente entre seus dez membros, a da presidente do Federal Reserve do Kansas, Esther George, que queria uma alta de 0,25%.

O tom positivo utilizado hoje ao término do encontro deixa a porta aberta para uma elevação na reunião de setembro, na qual a presidente do banco central, Janet Yellen, dará sua entrevista coletiva trimestral.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos