Bolsas

Câmbio

Wall Street fecha com novos recordes no Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq

Nova York, 11 ago (EFE).- O pregão em Wall Street terminou com fortes lucros nesta quinta-feira e novos recordes históricos de seus três indicadores, o Dow Jones Industrial, o seletivo S&P e o Nasdaq, impulsionados pela alta do preço do petróleo.

Ao final do pregão, o Dow Jones subiu 0,64%, para 18.613,52 pontos. Já o seletivo S&P 500 avançou 0,47%, até 2.185,79, enquanto o índice composto da Nasdaq registrou alta de 0,46% aos 5.228,40 pontos.

Os operadores do pregão nova-iorquino apostaram decididamente nas compras estimulados por uma forte alta do preço do petróleo nos mercados internacionais e pelos bons resultados trimestrais de várias empresas no varejo.

O barril do Texas, de referência nos Estados Unidos, disparou 4,26% e fechou em Nova York cotado a US$ 43,49, enquanto o Brent, de referência na Europa e outros mercados, avançou 4,19% em Londres e terminou em US$ 45,90.

Os investidores também celebraram os resultados da Macy's, cujas ações dispararam 17,09% ao anunciar o fechamento de uma centena de lojas, uma medida que os analistas concordaram que é um passo necessário para o futuro da cadeia de lojas de departamento.

Todos os setores em Wall Street fecharam com fortes lucros, entre os quais se destacaram o energético (1,43%), o de matérias-primas (0,63%), o industrial (0,63%), o sanitário (0,56%), o tecnológico (0,34%) e o financeiro (0,3%).

A Nike (2,9%) liderou os avanços entre a grande maioria dos 30 componentes do Dow Jones, na frente de Merck (1,58%), Chevron (1,23%), 3M (1,22%), American Express (1,14%), Home Depot (1,08%) e Goldman Sachs (1,03%).

Também subiram mais de meio ponto percentual United Technologies (0,98%), IBM (0,89%), Caterpillar (0,71%), Visa (0,55%) e Boeing (0,54%), enquanto terminaram em terreno negativo Wal-Mart (-0,2%), Dupont (-0,14%), Walt Disney (-0,08%) e Apple (-0,06%).

Em outros mercados, a onça do ouro caía para US$ 1.342,3, enquanto a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com prazo de dez anos avançava até 1,563%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos