Bolsas

Câmbio

Wall Street fecha com novos recordes no Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq

Nova York, 15 ago (EFE).- O pregão em Wall Street terminou com fortes lucros nesta segunda-feira e novos recordes históricos de seus três indicadores, o Dow Jones Industrial, o seletivo S&P e o Nasdaq, impulsionados pela alta do preço do petróleo.

Ao final do pregão, o Dow Jones subiu 0,32%, para 18.636,05 pontos. Já o seletivo S&P 500 avançou 0,28%, até 2.190,15, enquanto o índice composto da Nasdaq registrou alta de 0,56% aos 5.262,02 pontos.

Esse foi um pregão de fechamentos recordes no qual os três índices de referência também alcançaram máximos históricos intradia já que o Dow Jones chegou a subir até 18.668,44 pontos, o S&P 500 até 2.193,81 e o Nasdaq até 5.271,36.

Desde os primeiros compassos da jornada os operadores do pregão nova-iorquino apostaram decididamente nas compras encorajados por uma forte alta do preço do petróleo nos mercados internacionais.

O barril do Texas, de referência nos Estados Unidos, subiu 2,81% e fechou em Nova York cotado a US$ 45,74, enquanto o Brent, de referência na Europa e outros mercados, subiu 2,93% em Londres e terminou o dia em US$ 48,35.

Quase todos os setores em Wall Street fecharam em alta, como o de matérias-primas (1,05%), o energético (0,8%), o industrial (0,62%), o financeiro (0,6%) e o tecnológico (0,51%) enquanto o de empresas de serviços públicos caiu 0,99%.

A Dupont (1,45%) liderou os lucros no Dow Jones, na frente de Goldman Sachs (1,41%), Caterpillar (1,39%), Apple (1,2%), Boeing (1,17%), Visa (1,11%), Cisco Systems (1,04%), Intel (0,98%), United Technologies (0,75%) e Chevron (0,63%).

Do outro lado, as perdas foram puxadas pela Unitedhealth (-0,88%), seguida por McDonald's (-0,84%), Wal-Mart (-0,77%), Johnson & Johnson (-0,74%), Travelers (-0,14%), Verizon (-0,07%), Merck (-0,05%). Exxon Mobil (-0,05%), IBM (-0,04%) e Procter & Gamble (-0,02%).

Em outros mercados, a onça do ouro subia para US$ 1.344,7, enquanto a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com prazo de dez anos avançava até 1,599%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos