Bolsas

Câmbio

Chinesa State Grid se transforma em acionista majoritária da CPFL

Pequim, 24 jan (EFE).- A companhia elétrica estatal da China State Grid se transformou nesta terça-feira na acionista majoritária da maior distribuidora de energia elétrica do Brasil, a CPFL, após ampliar sua participação na empresa para 54,64%, conforme anunciou em comunicado.

Assim, a State Grid formalizou o acordo ao qual tinha chegado em setembro com uma série de acionistas da CPFL para adquirir seus títulos por um total de R$ 14,19 bilhões, R$ 25,52 por ação.

Em julho do ano passado, a estatal chinesa já havia adquirido a participação do conglomerado Camargo Corrêa na CPFL, de 23%, por R$ 5,85 bilhões, entrando em seu conjunto de acionistas como um dos sócios controladores.

A State Grid espera fortalecer sua presença no Brasil graças a este acordo que, segundo a própria companhia ressaltou no comunicado, lhe oferece a oportunidade de estabelecer "sinergias" com suas operações atuais no país.

A companhia chinesa comemorou que, quando for concluída a transação, passará a cobrir a geração, a distribuição, a transmissão e a venda de eletricidade no mercado brasileiro, pois já operava 10 mil quilômetros de linhas elétricas no país.

Além disso, a State Grid recebeu no ano passado concessões para construir duas importantes linhas de transmissão que conectarão a central hidrelétrica de Belo Monte, que será a terceira maior do mundo em capacidade de geração, com vários pontos do país.

A CPFL é a maior distribuidora de eletricidade do Brasil, controla cerca de 13% do mercado do país e também possui uma grande central hidrelétrica e outras oito de pequenas dimensões, com uma potência total instalada de 5.304 megawatts, segundo dados da empresa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos