PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Trump diz que "grande acordo comercial com o México pode acontecer em breve"

25/08/2018 12h43

Washington, 25 ago (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse neste sábado que um "grande acordo comercial com o México pode acontecer em breve", enquanto os negociadores dos dois países continuam suas conversas para renegociar o Tratado de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta, na sigla em inglês), que reúne os dois países mais o Canadá.

"Nossa relação com o México está ficando mais próxima a cada hora que passa. (Há) algumas pessoas realmente boas tanto dentro do novo governo como do velho, e todos estão trabalhando estreitamente juntos... Um grande Acordo Comercial com o México pode acontecer em breve!", tuitou Trump.

O presidente americano fez essa postagem pouco antes de o secretário de Economia do México, Ildefonso Guajardo, retomar suas conversas com o representante de Comércio Exterior dos EUA, Robert Lighthizer, para conseguir um acordo de princípios entre as duas nações, com a ideia de que o Canadá se junte depois à negociação.

Estados Unidos e México decidiram ontem continuar com o diálogo durante o fim de semana, depois de uma intensa semana de contatos destinados a finalizar um pacto sobre a renegociação da maioria dos pontos do Nafta.

O México quer fechar um acordo antes do fim de agosto porque isso permitiria que o atual presidente Enrique Peña Nieto pudesse assiná-lo antes de deixar o poder em 1º de dezembro.

Quanto ao Canadá, suas tensões comerciais e políticas com os Estados Unidos aumentaram nos últimos meses, e um alto funcionário americano disse à Agência Efe esta semana que o Executivo de Justin Trudeau "realmente tem que tomar uma decisão" sobre se quer "voltar à mesa com um espírito mais construtivo".

Mas Trump deixou claro que se não houver acordo com o Canadá está disposto a substituir o Nafta atual por pactos bilaterais.

"O que o presidente nos disse diretamente é que está aberto a fazer simplesmente um (acordo) bilateral com o México se isto é tudo o que podemos conseguir", ressaltou o funcionário, que pediu o anonimato.

As conversas desta semana em Washington também contaram com a presença de Jesús Seade, designado como chefe negociador do Nafta por parte da equipe do próximo presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, que assumirá o cargo em dezembro.