PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Audi aceita 800 milhões de euros de multa por manipulação de emissões

16/10/2018 10h16

Berlim, 16 out (EFE).- A fabricante automobilística alemã Audi aceitou pagar uma multa de 800 milhões de euros relacionada com um caso de manipulação de emissões de gases poluentes em veículos movidos a diesel, informou nesta terça-feira a empresa matriz Volkswagen.

"A Audi aceita a multa após uma análise exaustiva e não interporá um recurso. A Audi reconhece assim sua responsabilidade no descumprimento de suas obrigações de supervisão", detalhou a empresa no comunicado.

A notificação de sanção contra a Audi relativa a discordâncias a respeito das normas reguladoras em determinados veículos a diesel V6 e V8 fabricados e comercializados foi emitida hoje pelo Ministério Público de Munique e o seu pagamento põe fim ao processo aberto pelo mesmo contra a montadora pela venda de carros a diesel manipulados, segundo acrescentou a empresa na nota.

A multa, que chega no total a 800 milhões de euros, inclui a sanção máxima legal por infração administrativa negligente de 5 milhões de euros e a cobrança por lucros econômicos de 795 milhões de euros.

O Ministério Público determinou que a Audi descumpriu suas obrigações de supervisão no departamento que verifica a conformidade legal de seus veículos e que, como consequência, entre 2004 e 2018, determinados motores a diesel do tipo V6 e V8 desenvolvidos pela empresa não cumpriram com os padrões estabelecidos.

Assim, a Audi também não conseguiu detectar que os motores a diesel do tipo EA288 (Gen3) nos Estados Unidos e no Canadá e do tipo EA 189 no mundo todo desenvolvidos pela Volkswagen estavam equipados com um software ilegal.

O comunicado afirma, além disso, que a sanção terá um impacto negativo sobre as previsões da Audi para o ano fiscal em curso.