PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Dow Jones fecha em forte alta de 2,5%

28/11/2018 21h28

Nova York, 28 nov (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quarta-feira em forte alta de 2,5%, após o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, afirmar que as taxas de juros nos Estados Unidos estão perto do nível neutro.

O principal indicador da Bolsa de Nova York somou 617,7 pontos e chegou a 25.366,43. O seletivo S&P 500 avançou 2,3%, para 2.743,78, e o índice composto da Nasdaq subiu 2,95% e fechou aos 7.291,59 pontos.

O pregão já seguia uma tendência de alta desde a abertura, que se consolidou após o discurso de Powell no Economic Club de Nova York, que os mercados receberam com certa euforia, interpretando que o banco central abrandou sua postura na política monetária.

O principal dirigente do Fed destacou que os juros nos EUA estão perto de um patamar "que seria considerado neutro para a economia, ou seja, que não acelera ou diminui o crescimento", e se mostrou otimista, embora cauteloso sobre a saúde da economia do país.

Em outubro, Powell disse que os juros estavam longe do nível neutro, e a bolsa entrou em uma fase de baixa, já que os investidores temiam que o banco central acelerasse o ritmo do ajuste monetário. Espera-se que seja anunciada uma nova alta do preço do dinheiro na próxima reunião do comitê de mercado aberto do Fed, em dezembro.

Também contribuíram para o resultado do pregão notícias sobre a preocupação do governo com o impacto econômico a longo prazo das tensões comerciais com a China, o que pode levar o presidente Donald Trump a adiar a aplicação de novas sobretaxas a produtos do país asiático.

No Dow Jones, as principais altas de hoje foram dos títulos de Caterpillar (4,95%), Boeing (4,86%), Visa (4,02%), Apple (3,85%) e Microsoft (3,71%).

No horário de fechamento da bolsa, a onça do ouro subia para US$ 1.220,90, e o rendimento dos títulos do tesouro americano com vencimento em 10 anos subia para 3,061%.