Bolsas

Câmbio

IGP-M na 2ª prévia de maio fica em -0,89% ante -0,99% na 2ª de abril, revela FGV

Daniela Amorim

Rio

O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) teve queda de 0,89% na segunda prévia de maio, ante redução de 0,99% na segunda prévia de abril. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 18, pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Com o resultado, o índice acumula recuo de 1,25% no ano, mas elevação de 1,61% em 12 meses.

A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compõem a segunda prévia do IGP-M de maio. O IPA-M, que representa os preços no atacado, recuou 1,45%, após queda de 1,60% na segunda prévia de abril.

O IPC-M, que corresponde à inflação no varejo, apresentou elevação de 0,23% na segunda prévia de maio, depois de uma alta de 0,30% na mesma leitura de abril. Já o INCC-M, que mensura o custo da construção, apresentou estabilidade (0,0%) na segunda prévia deste mês, após uma redução de 0,09% na mesma prévia de abril.

O IGP-M é usado para reajuste de contratos de aluguel. O período de coleta de preços para cálculo do índice foi de 21 de abril a 10 de maio. No dado fechado do mês passado, o IGP-M teve queda de 1,10%.

Construção

Os preços menores de materiais e serviços na construção voltaram a ficar mais baratos na segunda prévia de maio do IGP-M, informou a FGV.

No INCC-M, o índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços registrou recuo de 0,05% na prévia agora divulgada, após ter registrado redução de 0,19% na mesma leitura do mês de abril. Já o índice que representa o custo da Mão de Obra teve avanço de 0,04% na segunda prévia de maio, após ter ficado estável no mês anterior (0,00%).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos