ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Nível do volume de serviços prestados está 12,9% abaixo do pico de 2014, diz IBGE

Vinicius Neder

Rio

14/09/2018 11h44

Após a queda de 2,2% no volume de serviços prestados em julho ante junho, a perda acumulada ficou em 1,0% entre maio e julho, informou nesta sexta-feira, 14, o gerente da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Rodrigo Lobo. Isso significa que o nível do volume de serviços prestados está 1,0% abaixo do que estava antes da greve dos caminhoneiros, em maio.

Lobo chamou atenção para a volatilidade. "O volume cai em maio, sobe em junho, devolve em julho", afirmou o pesquisador do IBGE.

Segundo Lobo, a queda de 2,2% em julho ante junho foi o pior desempenho para meses de julho, na comparação na margem, já verificado na série histórica da PMS, iniciada em 2011.

Em julho, o nível do volume de serviços prestados ficou 12,9% abaixo do pico histórico, registrado em janeiro de 2014, antes da recessão. O nível está pouco acima do verificado no piso da série histórica, registrado em maio passado, quando o nível do volume de serviços prestados estava 15,0% abaixo do pico.

Já a queda de 0,3% no volume de serviços prestados em julho ante julho de 2017 foi registrada em 102 dos 166 tipos de serviços investigados pela PMS, ou seja, 61,4% das atividades registraram retração. Isso resulta em índice de difusão de crescimento de 36,7%, repetindo o nível mais baixo, que havia sido registrado em maio passado.

Mais Economia