Topo

Governo tem tudo pronto para leilão da Lotex em fevereiro, diz secretário

Lorenna Rodrigues

Brasília

19/12/2018 17h34

O secretário de Acompanhamento Econômico, Alexandre Manoel da Silva, disse que o governo tem tudo pronto para o leilão da loteria instantânea da Caixa (Lotex), marcado para fevereiro. O leilão foi adiado duas vezes.

De acordo com o secretário, o último adiamento, de novembro deste ano para fevereiro, se deu porque haveria em dezembro a sanção de lei relacionada ao setor. Ele afirmou que há interesse no leilão. "Três operadoras se manifestaram durante a consulta pública do edital. Está tudo pronto para o leilão, não vemos sinais do contrário", afirmou.

A secretária-executiva do Ministério da Fazenda, Ana Paula Vescovi, disse que o setor de loterias tem potencial de ser muito mais explorado no Brasil e pode arrecadar recursos para políticas sociais.

Vescovi participou do lançamento do livro "Por trás da sorte, panorama e análise do mercado de loterias e promoção comercial", produzido pelo Ministério da Fazenda e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), que analisa o mercado nacional de prêmios e sorteio.

De acordo com o livro, o mercado brasileiro tem potencial para arrecadar R$ 30 bilhões por ano, 0,5% do PIB. Em 2017, o segmento arrecadou quase R$ 14 bilhões e destinou R$ 6 bilhões para o financiamento de políticas públicas no País.

"O livro compõe um esforço de colaboração ao novo governo. Fizemos um esforço de dar o maior número de informações possíveis para a transição", afirmou Ana Paula.

Mais Economia