PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Bolsonaro se reúne com líderes partidários para discutir Previdência

Mariana Haubert e Camila Turtelli

Brasília

26/02/2019 19h53

O presidente Jair Bolsonaro está reunido no Palácio da Alvorada com 18 líderes de partidos que podem votar com o governo a favor da reforma da Previdência. Além do presidente, participam também o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o líder do governo na Casa, major Vitor Hugo (PSL-GO) e os deputados Joice Hasselmann (PSL-SP) e Aguinaldo Ribeiro (PP-PB).

O nome do líder do PDT, André Figueiredo (CE), também está na lista, mas, de acordo com a sua assessoria de imprensa, o deputado não está no Brasil. Como o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, mostrou nesta terça-feira, Bolsonaro convidou o PDT e o PSB para tentar abrir um canal de diálogo com estas siglas que, mesmo fora da base aliada, podem dar votos para a reforma.

A estratégia, porém, não foi bem sucedida. Os líderes das duas legendas avisaram com antecedência que não iriam ao encontro e criticaram a ausência de convite para os demais partidos de oposição, como o PT, o PSOL e o PCdoB.

O intuito da reunião é aproximar as legendas do governo e fazer um apelo pela aprovação do texto. O encontro foi costurado pelo líder do governo junto ao presidente.