PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

BC da China corta juro de operação de recompra reversa para estimular crescimento

Dow Jones Newswires

Pequim

03/02/2020 04h05

O Banco Popular da China (PBoC, o banco central do país) baixou as taxas de juros de operações de recompra (repo) reversa ao mesmo tempo em que injetou um grande volume de liquidez no sistema bancário em uma tentativa de prover apoio a uma economia sofrendo com o surto do coronavírus.

O PBoC cortou as taxas de juros de operações de repos reversas com prazo de sete e 14 dias em 10 pontos-base, para 2,4% e 2,55%, respectivamente. O BC chinês também injetou 1,2 trilhão de yuans por meio desse mesmo tipo de operação no sistema financeiro.

O corte inesperado veio após um feriado estendido de ano-novo lunar em meio à rápida propagação de um vírus fatal que emergiu da China central. O surto pesou sobre o sentimento dos consumidores, a produção industrial e outros setores da economia. As ações chinesas despencaram bruscamente nesta segunda-feira, o primeiro dia de negócios após o feriado estendido.

Nos últimos dias, economistas revisaram para baixo suas projeções para o crescimento econômico da China e esperam que Pequim adote medidas mais agressivas para estimular o crescimento doméstico.