PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Senado deve votar PEC do Orçamento de Guerra em 2 turnos nesta quarta-feira

Daniel Weterman

Brasília

15/04/2020 16h51

O Senado deve votar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do "Orçamento de Guerra" em dois turnos nesta quarta-feira, 15. Para a proposta ser aprovada, são necessários no mínimo 49 votos entre os 81 senadores nas duas votações.

O presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), rejeitou tirar a PEC de pauta, como pediu o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) com apoio de colegas. Para esses, o Senado não pode aprovar emenda constitucional em sessão remota.

Pouco antes do fechamento deste texto, a líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama (MA), pediu para Alcolumbre adiar o segundo turno para quinta-feira, 16. A decisão ainda não foi anunciada.

O relator da PEC, Antonio Anastasia (PSD-MG), leu o parecer dando aval à proposta com alterações ao conteúdo aprovado na Câmara. As mudanças precisarão ser analisadas pelos deputados federais.

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, encaminhou um ofício a senadores concordando com o parecer de Anastasia.