PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Maia diz que há debate para ampliar proteção de quem ganha até 3 salários mínimos

Camila Turtelli

Brasília

29/04/2020 15h42

A Câmara deve debater na próxima semana a medida provisória 936, que permite a redução de jornada e salário e também a suspensão de contratos. Segundo o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o principal debate sobre o texto enviado pelo governo é ampliação da compensação paga pelo governo, para quem teve o salário reduzido durante a crise da covid-19.

Uma das ideias é que o trabalhador que ganha até três salários mínimos (R$ 3.135) continue recebendo o valor integral, juntando a parcela paga pela empresa mais a complementação do governo, como antecipou o Broadcast Político.

O texto já está em vigor desde o início de abril, mas precisa ser aprovado por deputados e senadores para não perder a validade.

Maia disse que deve indicar o relator da medida ainda hoje. Um dos principais nomes cotados para a função é o do deputado Orlando Silva (PCdoB-SP).

"Vou indicar o relator hoje, vamos começar a trabalhar para votar na semana que vem", disse Maia. "O governo fez um corte bom, até R$ 1,8 mil. A partir daí, há desproteção muito grande. O grande debate aqui na Câmara é como conseguir ampliar a proteção para aqueles que ganham até três salários mínimos. Daria impacto na ordem de R$ 10 bilhões. O governo foi bem até certo valor".

PUBLICIDADE