PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

BoE mantém juros e QE e não apertará política antes de inflação avançar à meta

Sergio Caldas

São Paulo

18/03/2021 09h54

O Banco da Inglaterra (BoE, pela sigla em inglês) manteve sua taxa básica de juros em 0,10% e o tamanho do seu programa de relaxamento quantitativo (QE) em 895 bilhões de libras, como previsto por analistas. Segundo comunicado divulgado após o fim da reunião de política monetária desta quinta-feira, os nove dirigentes do banco central inglês foram unânimes em ambas as decisões.

No comunicado, o BoE avalia que a perspectiva econômica do Reino Unido continua "incomumente incerta" e depende da evolução da pandemia de covid-19, mas ressalta que planos do governo britânico de aliviar medidas de bloqueio motivadas pela doença garantem uma perspectiva de consumo mais forte no segundo trimestre deste ano do que se estimava em fevereiro.

O BC inglês também destaca que o pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão recentemente aprovado nos Estados Unidos deve garantir "significativo apoio adicional" à perspectiva global.

O BoE reiterou ainda que não pretende apertar sua política monetária até que haja "claras evidências de progresso significativo" no sentido de cumprir sua meta de inflação de 2%. Em janeiro, a taxa anual da inflação britânica estava em 0,7%.