PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Sem PEPP, zona do euro teria sofrido grave crise, diz presidente do BCE

Sergio Caldas

São Paulo

22/03/2021 11h44

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, afirmou que sem o programa emergencial de compras de ativos, que é conhecido como PEPP e foi lançado há cerca de um ano em reação à pandemia de covid-19, a zona do euro provavelmente teria sofrido uma "grave crise econômica e financeira com consequências devastadoras" para todo o bloco.

Em postagem publicada nesta segunda-feira no blog do BCE, Lagarde afirmou que o BCE tem a opção de ajustar as compras de ativos do PEPP a qualquer momento, "em resposta a possíveis mudanças nas condições de mercado".

Na última reunião de política monetária do BCE, no dia 11, o BCE decidiu acelerar significativamente as compras por meio do PEPP, após os mercados financeiros reagirem negativamente a uma tendência de alta dos juros dos Treasuries e dos bônus europeus, que gerou temores sobre possível aperto monetário mais adiante.

Lagarde disse ainda na postagem que a perspectiva econômica de curto prazo da zona do euro está sujeita a incertezas, principalmente ligadas à dinâmica da pandemia e à velocidade das campanhas de vacinação contra a covid-19.

Ela ressaltou que, embora muitos avanços tenham sido feitos desde que o PEPP foi lançado, "não há espaço para complacência". Neste contexto, ela reiterou a disposição do BCE de ajustar todos os seus instrumentos, conforme for apropriado.

PUBLICIDADE