PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Faturamento líquido do setor em fevereiro cresce 6,3% ante janeiro, diz Abimaq

Francisco Carlos de Assis

São Paulo

31/03/2021 14h08

O faturamento líquido total do setor de máquinas e equipamentos cresceu 6,3% em fevereiro na comparação com janeiro. Em valores, o faturamento foi de R$ 13,875 bilhões. No confronto com fevereiro do ano passado, houve um crescimento de 18%. Os dados são da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).

No acumulado de 12 meses encerrados em fevereiro, o faturamento líquido total do setor cresceu 9,3%.

Já o faturamento líquido interno, de acordo com a Abimaq, somou R$ 10,627 bilhões.

O valor representa um crescimento de 6,2% sobre janeiro, alta de 35,6% em relação a fevereiro do ano passado e um avanço acumulado de 17,5% sobre o período de 12 meses encerrados em fevereiro comparativamente a igual período encerrado em fevereiro do ano passado.

Consumo aparente

O consumo aparente de máquinas e equipamentos recuou 2% em fevereiro na comparação com janeiro, informou a Abimaq. Em valores, o consumo aparente em fevereiro somou R$ 18,441 bilhões. Na comparação com o mesmo mês no ano passado, o consumo aparente da indústria de máquinas recuou 11,2%.

Já no acumulado de 12 meses findos em fevereiro, a Abimaq registrou um crescimento de 7,5% sobre igual período encerrado em fevereiro de 2020.

Denomina-se consumo aparente de um bem o total da sua produção adicionada das importações e subtraída das exportações.

Saldo comercial

O saldo comercial do setor de máquinas e equipamentos sofreu uma queda de 21% em fevereiro em relação a janeiro, de acordo com a Abimaq. O saldo foi de US$ 599,5 milhões. No confronto com fevereiro do ano passado, representou uma queda de 53,2%.

No acumulado de 12 meses encerrado em fevereiro, o saldo caiu 12,7%, registrando um déficit de US$ 6,998 bilhões.

As exportações somaram US$ 599,5 milhões em fevereiro, crescendo 9,8% sobre janeiro, mas caindo 20,3% na comparação com igual mês de 2020. No acumulado de 12 meses, foram exportados US$ 7,174 bilhões, o que equivale a uma queda de 24,3% sobre os 12 meses encerrados em fevereiro de 2020.

Foram importados em fevereiro US$ 1,265 bilhão em máquinas e equipamentos. Sobre janeiro, o resultado representa uma queda de 8,9% e em relação a fevereiro do ano passado, um recuo de 41,8%. De março do ano passado a fevereiro, deste ano as importações somaram U$ 14,172 bilhões, uma queda de 19% na comparação com os 12 meses anteriores.

Emprego

Ainda segundo a Abimaq, o total de trabalhadores na indústria de máquinas e equipamentos no fim de fevereiro era de 337.735 profissionais com carteiras assinadas, o que representa um crescimento de 2,4% na comparação com janeiro e um avanço de 10,6% ante fevereiro de 2020.

No acumulado de 12 meses até fevereiro, o quadro de trabalhadores no setor cresceu 1,9%.