IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Chinesa GWM traz carro eletrificado ao País

São Paulo

19/02/2023 08h00

Instalada no Brasil recentemente, a Great Wall Motors (GWM) adotou estratégia diferente de entrada no País. Diferentemente das demais marcas, que iniciaram operações como importadoras para testar o mercado e depois instalar unidades produtivas, o grupo chinês primeiro quis garantir sua fábrica, com a compra das instalações da Mercedes-Benz em Iracemápolis (SP), em 2021.

Pouco depois o grupo iniciou as reformas necessárias e, só agora, mais de um ano depois, inicia a importação do primeiro automóvel da marca, o híbrido plug-in Haval H6 GT. Trata-se de um utilitário esportivo (SUV), híbrido plug-in (é carregado na tomada), com equipamentos inéditos no mercado brasileiro para essa categoria de veículo. O preço do modelo só será divulgado no próximo mês mas, segundo especialistas do mercado, deve ficar perto dos R$ 300 mil.

A produção local, não necessariamente desse modelo, só terá início no primeiro semestre do próximo ano. Será a primeira fábrica no País a produzir somente veículos eletrificados.

Com essa fórmula, o maior grupo automotivo privado da China pretende mostrar que "realmente quer fincar raízes no Brasil", e ganhar a confiança do mercado, conforme define James Yang, CEO da GWM do Brasil e da América Latina, que diz que o grupo estudava o mercado brasileiro há dez anos.

A fábrica de Iracemápolis deve iniciar produção na primeira metade de 2024, provavelmente com uma picape híbrida plug-in. Quando o SUV H6 também entrar em linha, passará a ter motor flex em vez do apenas a gasolina. Carros puramente elétricos (BEV) estão nos projetos de longo prazo, assim como a produção de baterias. "Não sei se o Brasil vai precisar tão rápido dos elétricos", justifica Oswaldo Ramos, diretor comercial da empresa.

No início do mês, o grupo iniciou campanha publicitária que fala dos seus valores mais importantes como inovação, tecnologia, sustentabilidade e conectividade. O filme tem como fundo a música "Hello, goodbye", dos Beatles, remixada pelo DJ Alok, com o slogan de "Hello, tomorrow".

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.