IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

Via: prejuízo líquido é de R$ 297 milhões no 1º trimestre e reverte lucro de R$ 18 milhões

São Paulo, 04

04/05/2023 19h13

A Via apresentou prejuízo líquido de R$ 297 milhões no primeiro trimestre de 2023 e reverteu lucro de R$ 18 milhões no mesmo período de 2022. O Ebitda ajustado foi de R$ 675 milhões, com alta de 0,2%. A receita líquida, por sua vez, foi de R$ 7,3 bilhões, uma queda de 0,6%.

O resultado financeiro da companhia foi negativo em R$ 827 milhões, 5,4 pontos porcentuais maior como porcentual da receita líquida, em razão, principalmente, do aumento da taxa Selic e maior desconto de recebíveis de cartão de crédito.

A margem bruta foi de 32,1%, com alta de 1,4 p.p. e a margem Ebitda ficou em 9,2%, alta de 0,1p.p. A empresa credita os ganhos de rentabilidade, entre outras coisas, ao aumento da participação do carnê na venda da loja e à maior produtividade de vendas por vendedor.

A companhia apresentou dívida líquida ajustada de R$ 500 milhões e patrimônio líquido de R$ 5 bilhões, com índices de alavancagem em patamares inferiores aos covenants financeiros. A Via terminou o trimestre com posição de caixa, incluindo recebíveis de cartão, de R$ 3,5 bilhões.