IPCA
0,83 Mai.2024
Topo

XP: lucro líquido cai 7% no 1º trimestre, para R$ 796 milhões

São Paulo, 15

15/05/2023 17h54

O lucro líquido da XP caiu 7% no primeiro trimestre em relação ao mesmo intervalo de 2022, para R$ 796 milhões. O número é 2% superior ao do quarto trimestre do ano passado. O resultado foi impactado por uma perda não recorrente e líquida de imposto, relativa ao caso de Americanas, de R$ 131 milhões. Excluindo esse efeito e após impostos, o lucro líquido da XP no período foi de R$ 927 milhões, alta de 8% frente ao primeiro trimestre de 2022 e de 18% em relação ao quarto trimestre.

Já o lucro antes dos impostos (EBT) foi de R$ 816 milhões no período e, sem desconsiderar R$ 164 milhões relacionados a perdas não recorrentes no trimestre com Americanas, o resultado foi de R$ 977 milhões, um crescimento de 32% contra o trimestre anterior e de 14% contra o mesmo período do ano anterior.

A margem EBT, excluindo a perda não recorrente do trimestre, foi de 29,6% no primeiro trimestre de 2023, um crescimento de 641 pontos-base contra o trimestre anterior e de 221 pontos-base contra o mesmo período do ano anterior. O resultado está, de acordo com o release de resultado da XP, em linha com o guidance anual de médio prazo de 26% a 32% entre 2023 e 2025.

O retorno sobre o patrimônio líquido caiu 413 pontos-base em relação ao primeiro trimestre do ano passado, para 18,7% neste primeiro trimestre. No quarto trimestre, o retorno estava em 18,1%.