IPCA
0,26 Set.2023
Topo

'National Geographic', de 1888, deixa de circular

01/07/2023 07h02

A familiar capa com borda amarela da revista mensal National Geographic não estará mais à venda nas bancas a partir do próximo ano, como parte dos cortes que afetam a publicação. O foco da empresa está se voltando para seu produto digital e ela oferecerá edições especiais nas bancas, disse um porta-voz na quinta-feira, 29. Os assinantes ainda receberão uma cópia impressa a cada mês.

As vendas nas bancas representam uma pequena porcentagem da circulação mensal da revista, de pouco menos de 1,8 milhão de exemplares, disse a publicação.

Mesmo uma revista que começou a ser publicada em 1888 não está imune às dificuldades financeiras que afetam a mídia. Conhecida por suas fotografias coloridas de todas as partes do mundo, a revista foi iniciada há mais de um século pela National Geographic Society, que apoia a ciência e a exploração.

O controle da National Geographic mudou duas vezes na última década, primeiro em uma venda para a 20th Century Fox antes de ser adquirida pela Walt Disney Corp. em 2019.

DEMISSÕES

A revista foi atingida por uma série de demissões. Craig Welch postou no Twitter na quarta-feira que sua nova edição da revista acabou de chegar, apresentando sua 16ª e última matéria como redator sênior da revista. "A NatGeo está demitindo todos os redatores de sua equipe", escreveu ele.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.