Brasil e ONU assinam marco de cooperação para desenvolvimento sustentável até 2027

O governo do Brasil e a Organização das Nações Unidas (ONU) assinaram nesta terça-feira, 1º, o novo Marco de Cooperação Brasil-ONU 2023-2027 para guiar a parceria do País com a entidade. Para o novo acordo, foram definidos cinco eixos temáticos, dentre eles, a transformação econômica e prevenção de conflitos.

A assinatura ocorreu durante visita da Vice-Secretária-Geral da ONU, Amina J. Mohammed, a Brasília. O Marco de Cooperação das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável (UNSDCF) representa o principal documento de planejamento, implementação e monitoramento das ações do Sistema ONU no País.

De acordo com o Palácio do Planalto, o marco teve o Plano Plurianual (PPA) e a Estratégia Federal de Desenvolvimento 2020-2031 como principais documentos de referência. "Esse alinhamento programático garante que a contribuição do sistema ONU ao Brasil se dê de forma complementar e objetiva aos esforços nacionais já direcionados para os grandes temas de desenvolvimento do País", diz nota divulgada.

Para o novo marco, foram definidos cinco eixos temáticos: "Transformação Econômica"; "Inclusão Social"; "Meio Ambiente e Mudança do Clima"; "Governança e Capacidade Institucional"; e "Prevenção de Conflitos e a relação entre Ações Humanitárias, Ações de Desenvolvimento e Esforços de Consolidação da Paz". A elaboração do UNSDCF contou com a participação de 165 representantes de 18 instituições dos três Poderes da República.