ANTT reajusta piso do frete com aumento de até 4,77%

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, 22, uma nova tabela do piso mínimo de frete rodoviário com aumento para todos os tipos de operação, com ajustes de 3,38% a 4,77%.

A nova tabela observa o reajuste no preço do Diesel S10 ao consumidor de 9,13%, considerando o preço final nas bombas, uma vez que a Lei nº 14.445/2022 determina que a tabela seja reajustada sempre que ocorrer oscilação no valor do combustível superior a 5%, seja para baixo ou para cima, chamada de "gatilho".

Segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), entre os dias 13 e 19 deste mês, o preço médio do Diesel S10 ao consumidor ficou em R$ 5,50 por litro, resultando no acumulado de 9,13%, desde quando ocorreu o último reajuste na tabela frete.

Para transporte rodoviário de carga lotação, o aumento médio foi de 3,38%. Para operações em que haja a contratação apenas do veículo automotor de cargas, o reajuste médio foi de 3,38%, enquanto para transporte rodoviário de carga lotação de alto desempenho a alta média foi de 4,19%.

Já para operações em que haja a contratação apenas do veículo automotor de cargas de alto desempenho o aumento foi de 4,77%, em média.