Divisão da Evergrande acumula mais de 400 bilhões de yuans em dívidas e contas comerciais

Uma das subsidiárias da Evergrande, a Hengda Real Estate, acumula mais de 400 bilhões de yuans em dívidas e contas comerciais não pagas, e falhou em pagar outros cerca de 400 bilhões em petições judiciais de credores contra a empresa. As informações foram fornecidas por meio de comunicado oficial, listado na Bolsa de Hong Kong.

No final de agosto de 2023, as dívidas não pagas da Hengda Real Estate totalizavam aproximadamente 278,532 bilhões de yuans. No mesmo período, as contas comerciais vencidas da empresa contabilizavam cerca de 206,777 bilhões de yuans.

Ainda, a Hengda Real Estate tinha um total de 1.946 casos de litígio pendentes no final do mês passado, que envolviam mais de 30 milhões de yuans cada, com o valor total envolvido de aproximadamente 449,298 bilhões de yuans.

A subsidiária da Evergrande também informou que se desfez completamente de 73 projetos imobiliários por meio de transferência de ativos, terras e construções em progresso, fundos, entre outros.

Além disso, foram protocolados 163 novos casos de execução contra a Hengda Real Estate - envolvendo um valor total de aproximadamente 9,128 bilhões de yuans - e outros 68 casos em que os ativos congelados em subsidiárias ou empresas controladas pela Hengda.