Bolsas da Europa operam majoritariamente em leve baixa, perdendo fôlego desde a abertura

As bolsas europeias operam majoritariamente em leve baixa na manhã desta quinta-feira, 28, revertendo modestos ganhos da abertura, em um pregão sujeito a volatilidade em meio à liquidez reduzida de fim de ano.

Por volta das 6h15 (de Brasília), o índice pan-europeu Stoxx 600 se mantinha praticamente estável, em 478,60 pontos.

A perda de fôlego na Europa pode ter sido motivada pelos índices futuros das bolsas de Nova York, que ficaram mistos mais cedo, com queda do Dow Jones.

Desde meados de dezembro, no entanto, quando o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) sinalizou que poderá começar a reduzir juros em 2024, os mercados acionários globais têm mostrado tendência de valorização. Há expectativas de que o Banco da Inglaterra (BoE) também anuncie seu primeiro corte de juros no ano que vem. Para o Banco Central Europeu (BCE), por outro lado, ainda não há perspectiva semelhante.

A agenda da Europa está vazia nesta quinta, mas a dos EUA traz indicadores econômicos, incluindo a pesquisa semanal sobre pedidos de auxílio-desemprego, que é uma importante medida da saúde do mercado de trabalho americano.

Às 6h30 (de Brasília), a Bolsa de Londres tinha baixa marginal de 0,01%, a de Paris caía 0,10% e a de Frankfurt recuava 0,03%. Já as de Madri e Lisboa perdiam 0,20% e 0,36%, respectivamente. Exceção, a de Milão subia 0,05%.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes