ANP autoriza teste de uso de biodiesel 100% em frota marítima fluvial

A diretoria da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) aprovou nesta quinta-feira, 11, pela primeira vez autorização para uso experimental de biodiesel puro, chamado B100, em uma embarcação.

O teste será feito pela empresa Hermasa Navegação da Amazônia, que está restrito a uma viagem específica, com origem e destino definidos, assim como o volume do biocombustível a ser utilizado.

Apesar da atual ausência de regulação específica no Brasil, internacionalmente a Organização Marítima Internacional (IMO) permite o uso de biocombustíveis, estando o biodiesel expressamente previsto.

"Além disso, o manual dos motores do fabricante das embarcações que serão usadas no teste prevê a utilização do biodiesel em seus equipamentos, o que foi determinante para a autorização pela ANP", informou a agência em nota.

Segundo a ANP, a aprovação segue a tendência recente de testes em caminhões e máquinas agrícolas com biodiesel B100, cujos resultados estão sendo acompanhados pela agência.