Conselho de Administração da Light aprova novo plano de recuperação judicial

O Conselho de Administração da Light aprovou em reunião realizada no sábado, 18, os termos e condições do novo plano de recuperação judicial da companhia. Além de detalhar as etapas de sua implementação, o novo plano prevê aporte de recursos na empresa, via aumento de capital, e a capitalização de determinados créditos, assim como o pagamento integral de credores aos quais, individualmente, a Light deve até R$ 30 mil.

Conforme fato relevante publicado na noite do sábado, o novo plano de recuperação judicial reflete modificações feitas para adequar determinados termos e condições, visando maior alinhamento com os interesses dos credores.

O objetivo, conforme o documento, é superar a crise econômico-financeira da companhia, permitindo a continuidade da prestação dos serviços, a preservação de valor e a promoção de sua função social.