Bolsas

Câmbio

Balança comercial do Brasil fecha 2015 em baixa, mas agronegócio continua em alta

SÃO PAULO - O Brasil exportou menos em 2015. A queda foi de quase 10% no total das exportações brasileiras. Porém a balança comercial do agronegócio apresentou resultado positivo em relação ao ano anterior. O setor respondeu por 31,2% das vendas externas, totalizando US$ 59,7 bilhões, contra 29,2% em 2014.

Segundo a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), dos dez principais produtos na pauta de exportação do Brasil, oito estão ligados ao agronegócio. A soja em grão foi o mais expressivo, com 11% de participação, seguida pela carne de frango (3,3%), açúcar (3,1%), farelo de soja (3%), celulose (2,9%), café em grão (2,9%), milho em grão (2,6%) e carne bovina (2,4%).

Dos oito produtos, apenas o milho em grão e a celulose tiveram alta nas exportações se comparado ao desempenho individual em 2014. A celulose cresceu 5,5% e o milho foi um dos grandes destaques do ano, com receita chegando a US$ 4,94 bilhões, 27,3% superior ao período anterior.

Segundo a CNA, em 2016 o crescimento mais moderado das economias mundiais deve estabilizar o consumo das commodities agrícolas. Por isso a tendência de queda nos preços internacionais permanece ao longo do ano. Cenário que ainda não prejudica o setor, já que a entidade estima que o Valor Bruto da Produção (VPB) de 2016 vai ser de R$ 529,9 bilhões, alta de 2,7% em relação a 2015.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos