Bolsas

Câmbio

Empresa chinesa vai demitir funcionários que comprarem iPhone 7; entenda

SÃO PAULO – Uma empresa chinesa avisou seus funcionários que, caso eles comprem o ainda não lançado iPhone 7, eles serão demitidos.

Segundo informações do jornal local South China Morning Post, a empresa também afirmou que pagaria um bônus de mil yuans (aproximadamente US$ 146) para funcionários que substituíssem seu iPhone 4 por outro dispositivo chinês, 1.500 yuans (US$ 224) para os que trocassem o iPhone 5 e 2.500 yuans (US$ 374) para os que trocarem o iPhone 6.

Os funcionários receberão o pagamento preencherem um formulário e apresentassem-no junto do celular recém-comprado, além de terem que entregar o iPhone para seu supervisor para que a empresa "destrua os aparelhos", apontou o jornal.

A Hangzhou Bina Industrial Technology Company, que tem 50 funcionários, se baseou em uma questão "patriótica" para tomar essa decisão: uma falha no software dos iPhones, não somente do iPhone 7, faz com que a palavra fonética do mandarim "jichen", que significa "bater e afundar", seja corrigida automaticamente para "China".

Essa falha criou uma especulação nas redes sociais de que os softwares da Apple são anti-chineses, pelo significado da palavra e por conta da Apple ter ignorado os pedidos de correção. A Apple, entretanto, já negou essa acusação, afirmando que o erro foi causado pela inteligência artificial do dispositivo, que confundiu as palavras.

Uma pesquisa realizada na empresa apontou que os funcionários, em sua maioria, utilizam celulares das marcas chineses Xiaomi e Huawei e a Apple. A nova versão do iPhone deve ser lançada em setembro desse ano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos