PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Suspensa a partir de hoje venda de 46 planos de saúde; 26 são da Unimed-Rio

iStock
Imagem: iStock

Do UOL, em São Paulo

04/03/2016 13h38Atualizada em 04/03/2016 13h38

Vale a partir desta sexta-feira (4) a suspensão da venda de 46 planos de saúde de oito operadoras. A medida foi determinada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Esses planos não poderão ter novos clientes enquanto não resolverem os problemas atuais. Para quem já é cliente (são 314,3 mil pessoas), o atendimento deve continuar normal.

A operadora que teve a maior quantidade de planos suspensos foi a Unimed-Rio (26 no total). A lista com todos os planos suspensos pode ser acessada no site da ANS: http://zip.net/brp9ZJ (endereço encurtado e seguro).

Segundo a ANS, entre os principais problemas estão a demora para atender os clientes e a negação de coberturas.

As operadoras que negaram indevidamente cobertura a seus clientes podem, ainda, receber multa de R$ 80 mil a R$ 100 mil. 

Unimed-Rio diz que haverá melhoras 

O UOL entrou em contato com a Unimed-Rio quando a suspensão foi anunciada pela ANS, na última sexta-feira (26).

Em nota, a operadora disse que a suspensão não prejudica o atendimento aos clientes e que tem um grupo de trabalho interno dedicado à melhoria dos indicadores monitorados pela ANS. 

“A cooperativa acredita que o resultado dos ajustes que estão sendo feitos será percebido nas próximas avaliações da Agência”, disse a cooperativa.

33 planos poderão voltar a ser vendidos

A ANS também autorizou a retomada da venda de 33 planos de 16 operadoras. A lista completa pode ser consultada no site da agência: http://zip.net/bwrPmn e http://zip.net/bmsm69.

Esses planos tinham sido alvo de suspensão anterior, mas, segundo a agência, as operadoras conseguiram comprovar melhoria no atendimento nos últimos três meses.

A ANS vem anunciando proibições de vendas de planos desde o final de 2011.