PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Mídia e Marketing

Bradesco bate Skol após 6 anos e é marca mais valiosa do país, diz pesquisa

Reprodução/YouTube
Imagem: Reprodução/YouTube

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/06/2019 15h28

Após seis anos na liderança, a Skol deixou de ser a marca mais valiosa do Brasil, segundo o ranking BrandZ Brasil, produzido pelo grupo WPP e pela empresa de pesquisa Kantar. Em 2019, a marca de cerveja caiu para a terceira posição, com valor estimado em US$ 7,253 bilhões.

O primeiro lugar ficou com o Bradesco, com valor de marca de US$ 9,468 bilhões --alta de 35% em relação ao ano passado. Em segundo lugar aparece o Itaú Unibanco, com valor de marca de US$ 8,368 bilhões, 35% maior que em 2018.

A maior valorização em relação ao ano passado foi do Magazine Luiza, com 276%.

Veja abaixo as dez primeiras colocadas no ranking.

Marcas mais valiosas do Brasil em 2019

  1. Bradesco (banco): US$ 9,468 bilhões
  2. Itaú Unibanco (banco): US$ 8,368 bilhões
  3. Skol (cerveja): US$ 7,253 bilhões
  4. Brahma (cerveja): US$ 3,781 bilhões
  5. Globo (comunicação): US$ 3,624 bilhões
  6. Antarctica (cerveja): US$ 2,672 bilhões
  7. Magazine Luiza (varejo): US$ 2,287 bilhões
  8. Petrobras (energia): US$ 2,002 bilhões
  9. Renner (varejo): US$ 1,903 bilhão
  10. Amil (saúde): US$ 1,840 bilhão

A soma das 60 marcas mais valiosas do Brasil chegou a US$ 69,9 bilhões, apresentando uma alta de 11% em relação a 2018.

Para calcular o valor de cada marca, o ranking considera duas dimensões: a financeira, feita pela Bloomberg, e o valor de contribuição da marca, feito pela Kantar. Neste estudo, são levadas em consideração apenas as marcas nacionais.

O que faz um mestre cervejeiro?

UOL Notícias
PUBLICIDADE

Mídia e Marketing