Topo

Revista elege Guedes como ministro das Finanças do ano para América Latina

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

20/10/2019 11h30

Resumo da notícia

  • A revista inglesa Global Markets elegeu o ministro da Economia, Paulo Guedes, como o ministro das Finanças do ano para a América Latina
  • A premiação foi realizada ontem em Washington, capital dos Estados Unidos, mas Guedes não compareceu ao país para participar da reunião anual do FMI
  • Representantes da publicação devem vir ao Brasil entregar o prêmio ao chefe da equipe econômica
  • O avanço da reforma da Previdência no Congresso Nacional foi apontado pela revista como mérito da administração de Bolsonaro e de Guedes

A revista inglesa Global Markets elegeu o ministro da Economia, Paulo Guedes, como o ministro das Finanças do ano para a América Latina. A premiação foi realizada ontem em Washington, capital dos Estados Unidos, mas Guedes não compareceu ao país para participar da reunião anual do FMI (Fundo Monetário Internacional). Representantes da publicação devem vir ao Brasil entregar o prêmio ao chefe da equipe econômica.

No texto que anunciou Guedes como vencedor do prêmio, a revista destacou que ele assumiu o comando da maior economia da América Latina em meio a seguidos anos de escândalos de corrupção, queda dos investimentos e impasses políticos.

Além disso, a publicação afirmou que mesmo com uma equipe econômica com a simpatia do mercado, os analistas desconfiavam da capacidade do presidente Jair Bolsonaro de realizar as reformas necessárias para recuperar o país.

O avanço da reforma da Previdência no Congresso Nacional e a votação no Senado, que deve ser concluída na próxima terça-feira (22), também foram apontados pela revista como méritos da administração de Bolsonaro e de Guedes.

Entenda a proposta de reforma da Previdência em 10 pontos

UOL Notícias

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Economia