PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Mídia e Marketing

De carne de porco fake a carros voadores de verdade: as novidades da CES

O "Hyundai Uber Aerial Ridesharing", apresentado na CES 2020 - Divulgação
O "Hyundai Uber Aerial Ridesharing", apresentado na CES 2020 Imagem: Divulgação

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

10/01/2020 14h01

Resumo da notícia

  • A Consumer Eletronics Show, maior feira de tecnologia do mundo, que termina hoje, em Las Vegas (EUA)
  • Carro voador e cidade inteligente: montadoras de automóveis ocuparam grande espaço na feira deste ano
  • A norte-americana Impossible Foods lançou dois produtos de carne de porco "fake": o "Impossible Pork" e o "Impossible Sausage"
  • Entre tantos lançamentos, destaque também para as novidades da P&G e Samsung

Carne de porco feita à base de plantas, carros voadores compartilhados, uma cidade completamente inteligente e até o teaser de uma série: esses são alguns destaques da Consumer Eletronics Show (CES), maior feira de tecnologia do mundo, que termina hoje (10), em Las Vegas (EUA).

Ela abre a "temporada" de eventos globais que unem lançamentos de produtos (são centenas) e pílulas de inovação, fonte de inspiração para profissionais de comunicação. Em quatro dias, cerca de 170 mil participantes podem conhecer as novidades que, provavelmente, serão as mais importantes do ano em tecnologia.

Se você fizer uma busca com a expressão "CES 2020" na aba de notícias do Google, chegará ao impressionante número de mais de 43 milhões de resultados. Por isso, selecionamos alguns destaques que podem ser interessantes para quem trabalha com marketing. Veja abaixo.

Carros por todos os lados

Como os carros incluem cada vez mais tecnologia, quase todas as grandes montadoras estão por lá. Os fabricantes, agora, buscam apresentar soluções para os grandes engarrafamentos nas cidades —problemas que ajudaram a criar. Três lançamentos, que não são "exclusivos" de montadoras, fizeram barulho:

- Carro voador: a Uber e a Hyundai exibiram o protótipo de um carro para compartilhamento de viagens aéreas. Totalmente elétrico, o modelo é projetado para atingir até 290 km/h e circular de 300 a 600 metros acima do solo.

- Carro da Sony: a Sony (sim, a multinacional japonesa de tecnologia) apresentou o primeiro carro desenvolvido pela empresa: um sedã elétrico chamado Vision-S, cujos mais de 30 sensores evitam colisões e atropelamentos e permitem uma direção autônoma. O modelo, porém, não dispensa um humano ao volante.

- Cidade do futuro: a Toyota apresentou o projeto de uma cidade "do futuro". A "Woven City" (algo como "Cidade de Tecido" ou "Cidade Interligada") começará a ser construída em 2021 e receberá cerca de 2.000 pessoas, entre colaboradores da montadora, parceiros comerciais e acadêmicos e cientistas de diversos países, trabalhando em projetos multidisciplinares. A ideia é que seja um laboratório para carros autônomos, casas inteligentes, inteligência artificial e outras tecnologias.

A vez da carne de porco (de planta)

Uma das grandes atrações de 2019 foi o lançamento dos hambúrgueres à base de plantas. A fabricante Impossible Foods, com sede no Vale do Silício (EUA), levantou US$ 300 milhões em uma rodada de financiamento em maio do ano passado e, agora, anunciou na CES dois produtos de carne de porco "fake": o "Impossible Pork" e o "Impossible Sausage".

A linguiça estará disponível no fim deste mês em quase 140 unidades do Burger King. Não há previsão de chegada ao Brasil.

Apple de volta após 28 anos

A Apple voltou a fazer parte da feira depois de 28 anos fora do evento. No lugar de novos aparelhos, discutiu a tão temida (falta de) privacidade. Jane Horvath, diretora sênior de Privacidade da companhia, participou de um painel com Susan Shook, chefe de Privacidade da Procter & Gamble, Rebecca Slaughter, comissária do FTC (Federal Trade Commission, órgão norte-americano), e Erin Egan, vice-presidente de Políticas Públicas e chefe de Privacidade do Facebook.

A expectativa era um possível embate entre Facebook e Apple, mas... o que se viu, na verdade, como reporta o jornalista Gabriel Francisco Ribeiro, do Tilt, que acompanhou o painel, foi "uma tabelinha entre as duas companhias". Os únicos momentos tensos aconteceram durante as perguntas da plateia.

Também tem entretenimento

- Westworld: Para apresentar um novo teaser da terceira temporada de Westworld, a HBO realizou uma ação específica para cerca de 50 jornalistas, segundo o site Mashable. Para a reportagem, a apresentação de quase 3 horas de duração exibiu o "futuro do mundo real", com uma "utopia tecnológica onde os dados escolhem o melhor caminho" para cada pessoa —dica de como será o caminho trilhado pela série.

- Música de marca: A Mastercard lançou sua primeira música: a canção "Merry Go Round" foi composta em parceria com a artista sueca Nadine Radle. A música faz parte da arquitetura de som da marca, lançada em fevereiro de 2019. Segundo a empresa, "o som é uma maneira poderosa de alcançarmos os consumidores por meio das paixões que nos conectam".

E para os consumidores?

Claro, entre os tantos lançamentos, alguns foram focados nos consumidores.

- Escovação perfeita: A P&G, que esteve no evento pelo segundo ano seguido, mostrou uma série de novos produtos, com destaque para "Oral-B iO", nova série de escova de dentes elétrica, que levou o prêmio de inovação da feira. Com sensores de pressão e inteligência artificial, o aparelho promete uma escovação perfeita, graças aos dados que são armazenados pela escova e enviados a um aplicativo. Para o The Verge, é apenas "mais um absurdo de marketing que usa inteligência artificial como palavra de ordem".

- Robô bola: Além das telas que podem ser enroladas, celulares dobráveis e relógios inteligentes, a Samsung mostrou duas novidades interessantes. Uma foi o robô Ballie, em formato de bola, que funciona como assistente pessoal do usuário. O gadget poderia controlar a casa conectada no lugar do consumidor, acionando o robô aspirador, abrindo e fechando cortinas, ligando a TV ou servindo de controle remoto.

- Teclado invisível: o projeto experimental SelfieType é uma espécie de "teclado invisível" para os aparelhos da Samsung. O usuário poderia digitar mensagens em qualquer superfície plana, e a tecnologia usaria inteligência artificial para compreender a mensagem que seus dedos tentam transmitir.

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.

Mídia e Marketing