Honda faz recall de 2,1 mi veículos pelo mundo por risco de incêndio

WASHINGTON (Reuters) - A Honda disse nesta sexta-feira que faria recall de cerca de 2,1 milhões de veículos pelo mundo para substituir o sensor de bateria devido a riscos de incêndio.

Chris Martin, porta-voz da montadora japonesa, disse que o recall incluiria 1,15 milhões de unidades do Honda Accord produzidos entre 2013 e 2016, nos Estados Unidos, e quase 1 milhão em outras localidades, para trocar um sensor de bateria de 12 volts.

A empresa disse que recebeu quatro relatos de incêndios do compartimento do motor nos EUA e pelo menos um no Canadá, em regiões que usam quantidades significativas de sal nas estradas durante o inverno. Não houveram lesões relatadas.

A montadora ainda recebeu 3.972 reivindicações de garantia relacionadas com a falha.

Os sensores de bateria podem não estar suficientemente vedados contra umidade, disse a Honda. Com o tempo, a umidade pode impregnar o sensor com sal das rodovias ou outros materiais, causando ferrugem e eventual curto-circuito do sensor.

(Por David Shepardson)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos