Bolsas

Câmbio

Temer diz que não será candidato, mas não nega circunstâncias de momento

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Michel Temer disse nesta quarta-feira que não é candidato à Presidência nas eleições de outubro, embora tenha afirmado que não nega circunstâncias de momento.

Em entrevista à rádio Jovem Pan, o presidente também deixou aberta a possibilidade de a reforma da Previdência ser votada em outubro ou novembro, caso a intervenção federal na segurança pública do Estado do Rio de Janeiro apresente resultados.

A reforma é uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), e o texto constitucional não pode ser alterado durante uma intervenção federal.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos