ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Governo tentará reverter exclusão de blocos de leilão, admite dificuldades

28/03/2018 13h43

RIO DE JANEIRO, 28 Mar (Reuters) - O governo federal tentará, mas acredita ser difícil, reverter decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) que excluiu os dois maiores blocos do leilão de áreas exploratórias de quinta-feira, afirmou à Reuters o secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, Márcio Félix.

Os blocos retirados da rodada foram os S-M-534 e S-M-645, que juntos somariam bônus de assinatura de 3,55 bilhões de reais. 

"Estamos ainda vendo se é possível reverter, acho difícil, mas nada no mundo é impossível... A questão é porque essas áreas estão contíguas ao polígono (do pré-sal) e, no entendimento do TCU, teria mais valor se elas fossem feitas todas em Partilha e não ter unitização", disse Félix.

A 15ª Rodada da ANP leiloará blocos sob regime de concessão.

Áreas do polígono do pré-sal, segundo a lei, devem ir a leilão sob regime de partilha.

Mais Economia