ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Bolsas da Europa: Novas negociações comerciais impulsionam ações

Helen Reid

13/09/2018 16h10

LONDRES, 13 Set (Reuters) - As ações de automóveis e mineração da Europa, que são sensíveis ao comércio, avançaram nesta quinta-feira com a notícia de novas negociações entre os Estados Unidos e a China, embora o mercado mais amplo tenha perdido força depois das decisões do Banco Central Europeu e das novas sanções dos Estados Unidos às empresas de tecnologia russas e chinesas.

O alemão DAX e o índice das maiores empresas da zona do euro avançaram 0,2%.

Já o índice FTSEurofirst 300 caiu 0,06%, a 1.472 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,15%, a 377 pontos.

As ações do setor de automóveis avançaram 1,1%, depois que autoridades dos EUA convidaram a China para novas negociações comerciais, o que o ministério chinês disse ser "bem-vindo". 

As montadoras de automóveis estão entre os setores mais afetados pelas tensões comerciais entre os Estados Unidos e seus parceiros comerciais.

"Você precisa se preocupar com o impacto (das tensões comerciais no setor de automóveis), porque a evidência é que as empresas estão sofrendo pressões como consequência", disse Steven Magill, diretor de Valor Europeu do UBS Asset Management.

"Mas os preços das ações parecem já estar descontando o cenário negativo", acrescentou Magill, que detém ações da Peugeot em seu portfólio europeu.

As ações de tecnologia também registraram ganhos e os fabricantes de chips e fornecedores da Apple AMS, Infineon, BE Semiconductor e STMicro avançaram após a Apple ter lançado iPhones maiores e mais caros.

No entanto, o setor de tecnologia perdeu alguns ganhos depois que Washington impôs novas sanções a uma empresa de tecnologia sediada na China, seu presidente-executivo norte-coreano e a uma subsidiária russa, acusando-os de transferir fundos ilícitos para a Coreia do Norte numa violação das sanções dos EUA.

  • Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,43%, a 7.281 pontos.
  • Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,67%, a 12.088 pontos.
  • Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,08%, a 5.328 pontos.
  • Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,56%, a 20.846 pontos.
  • Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,24%, a 9.329 pontos.
  • Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,15%, a 5.315 pontos.

Mais Economia