PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

BCE vê crescimento mais lento à frente, de acordo com boletim

07/02/2019 09h13

FRANKFURT (Reuters) - Os indicadores de crescimento da zona do euro surpreenderam para baixo constantemente, sugerindo ímpeto de crescimento mais fraco à frente para o bloco de 19 países, disse o Banco Central Europeu em seu Boletim Econômico nesta quinta-feira.

"Os dados recebidos têm sido mais fracos do que o esperado, refletindo redução da contribuição da demanda externa e alguns fatores específicos de países e setores", disse o BCE no boletim, que é consistente com a postura de política monetária do banco após a reunião de 24 de janeiro.

"Embora alguns desses fatores devam se desfazer, isso pode sugerir ímpeto de crescimento mais lento à frente", disse o BCE, repetindo sua postura de que os riscos ao crescimento são de queda.

O BCE deixou inalterada sua política monetária no mês passado, indicando que qualquer nova medida para refrear o estímulo pode ser adiada.

(Reportagem de Balazs Koranyi)