PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

BC britânico corta juro para 0,1% e impulsiona compra de títulos

19/03/2020 11h52

LONDRES (Reuters) - O Banco da Inglaterra (BoE, o banco central do Reino Unido) reduziu os juros para 0,1% nesta quinta-feira, sua segunda redução emergencial na taxa em pouco mais de uma semana, e intensificou seu programa de compra de títulos em uma nova tentativa de proteger a economia britânica do surto de coronavírus.

O Comitê de Política Monetária do BoE votou por unanimidade pelo corte na taxa de referência --que havia caído para 0,25% em 11 de março-- e por um aumento de 200 bilhões de libras no programa de compra de títulos do banco central, para 645 bilhões de libras (752 bilhões de dólares).

"Nos últimos dias, e em linha com vários outros mercados de títulos de economias avançadas, as condições no mercado de gilts (títulos soberanos) do Reino Unido deterioraram-se à medida que investidores procuraram instrumentos de vencimentos mais curtos que fossem substitutos mais próximos das reservas bancárias, de alta liquidez", afirmou o Banco.

"Como consequência, as condições financeiras globais e do Reino Unido se apertaram."

A maior parte da dívida extra que o BoE comprará será de títulos do governo britânico, disse o BoE ao seguir outros bancos centrais ao redor do mundo no reforço de suas medidas de estímulo.

Karen Ward, estrategista-chefe de mercado para a Europa no JP Morgan Asset Management, disse que essa disposição ajudará a financiar esforços para combater o vírus de maneira mais tranquila.

"O apoio à economia e ao sistema de saúde exigirá empréstimos governamentais muito mais altos. O banco central, disposto a comprar dívida do governo, garantirá que o mercado possa absorver essa emissão adicional sem estresse indevido", disse ela.

(Por William Schomberg)