PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

BRF diz que China suspendeu exportações de frango de Dourados

A empresa informou que já está atuando junto às autoridades brasileiras e chinesas para reversão da suspensão  - Rodolfo Buhrer
A empresa informou que já está atuando junto às autoridades brasileiras e chinesas para reversão da suspensão Imagem: Rodolfo Buhrer

29/07/2020 12h12

A BRF disse hoje que a Administração Geral das Alfândegas da China suspendeu a habilitação para exportações de proteína de frango de sua unidade de Dourados (MS), em meio a preocupações sobre a pandemia do covid-19.

A companhia, que é maior exportadora de frango do país, disse em nota que não foi notificada oficialmente sobre a suspensão, mas que soube da mesma por meio de uma publicação no site da agência chinesa.

A empresa informou que já está atuando junto às autoridades brasileiras e chinesas para reversão da suspensão no menor prazo possível.

A BRF e as processadoras de carne Marfrig e JBS, que afirmam que o novo coronavírus não pode ser transmitido por alimentos, estão entre as empresas que tiveram exportações de determinadas plantas locais proibidas pelos chineses após surtos no Brasil.

A BRF disse que órgãos chineses já realizaram testes para identificar covid-19 em 227,9 mil amostras de alimentos de forma aleatória procedentes de diversos países e das mais variadas empresas.

"Nada foi constatado até o momento", disse a BRF.

A companhia acrescentou que desde o começo da pandemia adotou protocolos de saúde e segurança e planos de contingência em todas as suas unidades fabris no Brasil e no exterior.

O Ministério da Agricultura do Brasil não comentou de imediato.