PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

G7 concorda em elevar reservas do FMI em US$650 bi para financiar alívio à pandemia, diz Kyodo

17/03/2021 08h55

TÓQUIO (Reuters) - As economias avançadas do G7 concordaram em aumentar as reservas do Fundo Monetário Internacional em cerca de 650 bilhões de dólares por meio de uma nova alocação de Direitos Especiais de Saque do fundo, informou a agência de notícias japonesa Kyodo nesta quarta-feira.

O aumento das reservas será usado para financiar um pacote de medidas de alívio para as economias emergentes atingidas pela pandemia, disse a Kyodo.

Os líderes financeiros das economias do Grupo dos Sete vão assinar o acordo em uma reunião online que será realizada na sexta-feira, disse a agência, sem citar fontes.

PUBLICIDADE