PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

S&P 500 fecha em queda com recrudescimento de tensões entre Rússia e Ucrânia

14/02/2022 19h09

Por Stephen Culp

(Reuters) - O índice S&P 500 ainda fechou em baixa, mas conseguiu reduzir as perdas ao fim do pregão desta segunda-feira, dia em que planos dos Estados Unidos de fechar sua embaixada em Kiev, na Ucrânia, intensificaram mais as tensões geopolíticas.

O índice S&P 500 fechou em queda de 0,38%, a 4.401,67 pontos. O Dow Jones caiu 0,49%, a 34.566,17 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite ficou estável, a 13.790,92 pontos.

Todos os três principais índices de ações dos EUA caíram acentuadamente depois que o secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, anunciou a realocação das operações diplomáticas do país para o oeste da Ucrânia, um possível sinal de uma iminente invasão russa.

O nervosismo sobre questões geopolíticas têm escalado nas últimas semanas, enquanto negociadores lutam para encontrar um caminho diplomático à medida que a Rússia acumula tropas ao longo da fronteira ucraniana.

Ainda assim, consequências negativas para o mercado causadas por turbulência geopolítica tendem a ser passageiras, de acordo com dados históricos.

"A história realmente diz a investidores que ataques militares e terroristas tendem a gerar choques de curta duração porque não resultam em recessão global", disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos da CFRA Research em Nova York.

Dez dos 11 principais setores do S&P 500 fecharam em território negativo. As ações de energia sofreram a maior queda percentual. Consumo discricionário e serviços de comunicação foram os únicos setores que obtiveram ganhos.