PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Bolsonaro diz que país sofre com inflação, mas não tem desabastecimento

Bolsonaro também defendeu novamente o perdão concedido a Daniel Silveira - Isac Nóbrega/PR
Bolsonaro também defendeu novamente o perdão concedido a Daniel Silveira Imagem: Isac Nóbrega/PR

Ricardo Brito

Reuters, Brasília

28/04/2022 12h18

O presidente Jair Bolsonaro reconheceu hoje que o país sofre com a inflação, mas ressaltou que não há desabastecimento de gêneros alimentícios e insumos, em meio a divulgação de recentes índices que apontam uma persistência da alta nos preços.

"O Brasil atravessa ainda um momento difícil como todo o mundo, consequências da pandemia e de uma guerra bem distante daqui", disse.

"Sofremos com a inflação, o preço dos combustíveis e da energia, mas não temos desabastecimento", emendou ele, em evento em Paragominas (PA) de entrega de títulos de regularização fundiária.

Na véspera, o IBGE havia informado que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) teve em abril alta de 1,73%, a taxa mais elevada para o mês desde 1995. O resultado levou o avanço acumulado do IPCA-15 em 12 meses a 12,03%.

Perdão a deputado

O presidente voltou a defender a sua decisão de ter concedido um perdão ao deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ) após ele ter sido condenado na semana passada pelo Supremo Tribunal Federal a quase nove anos de prisão por crimes de coação e ameaça a ministros da corte.

"O que eu fiz não é apenas para aquele deputado, é para todos vocês, a nossa liberdade não pode continuar sendo ameaçada", afirmou ele, dizendo ter se sentido "orgulho" pela decisão tomada.

Na véspera, Bolsonaro promoveu um ato no Palácio do Planalto de desagravo ao parlamentar com a presença de dezenas de parlamentares. O evento foi recheado por críticas e até ameaças dos presentes ao Poder Judiciário.