PUBLICIDADE
IPCA
0,67 Jun.2022
Topo

Goldman Sachs tem lucro menor, mas resultado fica acima do esperado no 2º tri

18/07/2022 09h51

BENGALURU/NOVA YORK (Reuters) - O Goldman Sachs teve queda de 48% no lucro do segundo trimestre, mas o desempenho foi melhor que o esperado por analistas, à medida que as receitas de renda fixa amorteceram recuo em outras áreas.

A receita da unidade de mercados globais, que abriga as mesas de operações do Goldman, saltou 32%, para 6,47 bilhões de dólares, com alta de 55% na receita de renda fixa, commodities e "trading" e aumento de 11% em renda variável.

O movimento ajudou o banco a compensar o impacto nos negócios de banco de investimento, devido a uma queda nas ofertas de ações e dívidas e nas transações, como fusões e aquisições, devido a um sentimento de aversão ao risco que tomou conta dos mercados globais.

Os números trimestrais do Goldman fecham a temporada de balanços para os grandes bancos de Wall Street. O resultado espelha os dos pares JPMorgan e Morgan Stanley, ambos com receitas fracas de comissões com bancos de investimento.

A receita do banco de investimento do Goldman caiu 41%, para 2,14 bilhões de dólares no trimestre.

A receita líquida do banco diminuiu 23%, para 11,86 bilhões de dólares no segundo trimestre, e o lucro recuou quase pela metade, para 2,8 bilhões de dólares, ou 7,73 dólar por ação.

A receita do banco de investimento do JPMorgan foi de 1,4 bilhão de dólares, queda de 61% em relação a igual trimestre do ano anterior, enquanto o Morgan Stanley reportou um recuo de 55%.

A gestão de ativos foi outro ponto fraco do Goldman, com receita líquida de 1,08 bilhão de dólares, 79% inferior ao segundo trimestre de 2021.

A provisão para perdas com empréstimo foi de 667 milhões de dólares no segundo trimestre de 2022, em comparação com liberação de 92 milhões de dólares em reservas no mesmo período do ano passado.

(Por Niket Nishant e Noor Zainab Hussain, em Bengaluru, e Saeed Azhar, em Nova York)