IPCA
0,46 Jun.2024
Topo

Índices de ações em Nova York caem 1% com tombo de bancos regionais e nervosismo pré-Fed

02/05/2023 17h18

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK (Reuters) - Os índices de ações nos Estados Unidos caíram mais de 1% nesta terça-feira, com papéis de bancos regionais em queda devido a temores renovados sobre o sistema financeiro e conforme investidores tentam avaliar por mais quanto tempo o Federal Reserve deve precisar aumentar a taxa de juros.

A expectativa é de que o Fed anuncie na quarta-feira que elevará os juros em 0,25 ponto percentual, e investidores estão ansiosos por qualquer sinal do banco central norte-americano sobre se será o último aumento por enquanto ou se novos incrementos são possíveis se a inflação continuar alta.

O índice bancário regional KBW perdeu 5,5% em sua maior queda percentual diária desde 13 de março. Durante a sessão, atingiu o nível mais baixo desde novembro de 2020.

As ações de energia cederam junto com os preços do petróleo, com investidores preocupados com um possível calote da dívida dos EUA.

A secretária do Tesouro, Janet Yellen, disse que o governo federal pode ser incapaz até 1º de junho de cumprir todas as suas obrigações de pagamento sem uma legislação para subir o limite de empréstimos de Washington.

O Dow Jones caiu 1,08%, para 33.684,53 pontos. O S&P 500 perdeu 1,16%, para 4.119,58 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 1,08%, para 12.080,51 pontos. 

O setor de energia do S&P 500 perdeu 4,3%, a maior queda de qualquer setor importante, seguido pelo de financeiros do S&P 500, que recuou 2,3%.

Os bancos regionais dos EUA ampliaram as perdas de segunda-feira após a intervenção e leilão do First Republic Bank. A maioria de seus ativos foi comprada pelo JPMorgan Chase & Co em uma decisão intermediada pela FDIC (agência garantidora de depósitos dos EUA).